in , ,

AmeiAmei

Análise de MV: HOLLAND – Loved You Better

holland loved you better

Estamos iniciando uma nova coluna no Say K, onde analisamos a mensagem passada nos MVs, cena a cena.

Em comemoração ao mês do orgulho LGBTQI+ que acabou de passar, o primeiro MV a ser analisado é do HOLLAND! HOLLAND, ou 홀랜드 em hangul, é um idol sul coreano abertamente gay, teve seu debut com Neverland em janeiro de 2018, sendo super bem recebido pelo público internacional. Mais um artista quebrando barreiras e mostrando que a música é de todos e que todos têm direito de produzir e se lançar.

O MV de ‘Loved You Better’ foi lançado em dezembro de 2019, e teve produção de Mustache Films, uma produtora coreana que trabalhou em alguns MVs de artistas como Stray Kids, Twice, Block B Bastarz e muitos outros e também com trailer de filmes. Mas como diz no Behind The Scenes, Holland escreveu a sinopse do vídeo, ou seja o artista teve total colaboração.

Agora vamos de MV! 

O mv pode ser separado em duas partes. A primeira parte retrata o sofrimento e solidão. As mãos agarrando o próprio corpo ao tentar se consolar e machucados pelo rosto e corpo, que logo dá a entender que foram feitos por colegas de classe quando retrata a carteira revirada e o material escolar espalhado. A câmera dá aquela sensação que alguém tá ali observando escondido, como quando alguém faz uma besteira e fica tentando ver no que vai dar.

estética e clima

A letra da música acompanha o sofrimento retratado, assim como a estética, na realidade, o MV é bem bem pensado com algumas sequências interessantes e planos também. Outra cena interessante é o Holland andando sozinho no corredor, mas a câmera está deitada, o que pode ser interpretado por ele estar se sentido deslocado.holland

A visão do mv começa a mudar quando sai do âmbito escolar. De várias formas ele começa a sua jornada de se encontrar ou acabar com a frustração em forma de grito. Com cenas em lugares externos e até mesmo se olhando no espelho, a música fala sobre si próprio, embora esteja retratando na terceira pessoa, o ‘you’ é mais para ele mesmo se falando no espelho, um recado sincero.

face to faceespelho

Novamente mais uma câmera de fora, seria alguém novamente bisbilhotando a vida do Holland? Mas aí é que dá uma mudada após essa cena a gente vê uma alteração no ângulo que muda bastante a perspectiva das coisas. A camera de fora, entra e agora quem se vê no espelho é Holland, que está cansado das coisas que quer dar um fim em todo o sofrimento, fazendo arminha com a mão, aponta a garganta e POW, glitter.

glitter

Aqui não estamos falando do desejo suicida somente, quando o glitter entra em cena outra forma de lermos isso é que agora é o momento da explosão interna, de recomeço e dar uma nova chance. A tela vai preta e cenas dele se montando aparecem, confirmando seu desejo de se sentir mais livre e poder externalizar as coisas. E aqui chegamos na segunda parte do MV.

revivendo

You go Holland! As tomadas dele se arrumando se intercalam com ele tocando na camisa manchada de sangue perto do peito, o que eu sinceramente não entendi exatamente o que significa, comenta aí sua teoria!

Mas logo após tem Holland des-fi-lan-do todo produzido, mais forte do que nunca, em um canto de um parque de diversão, com carrossel de fundo. Aqui temos a libertação dele, a parte que ele está se sentindo mais forte para poder se encarar e ser quem ele quer realmente ser. Os tons de cores frias totalmente abandonados, agora mostrando uma visão mais vívida, calorosa e animada.

YOU GO

Por estar fora de casa, o que pode ser deduzido é que ele se sente livre, e se diverte e pode colocar as coisas pra fora, um ato de rebelião basicamente. A arma que apontava para si, agora aponta para fora.kill you beathc

A parte final basicamente retrata a libertação de estereótipos com a jogada e queima de papéis, com coreografia e sorriso, Holland parece ter se encontrado. Chegamos então nos segundos finais, Holland deitado no tapete, secando as lágrimas e adivinhe:espelhooo

Se olhando novamente no espelho, que é o maior simbolismo de se encarar e ver quem você é, mas agora com o recado dado de que ele se encontrou e que pode se amar melhor.

Por fim, o MV é bem trabalhado nos detalhes e com muitas cenas bem interessantes de analisar. Acompanha bem a letra da música e seu significado, que Holland diz que é bem pessoal e fala sobre sua vivência. As interpretações são obviamente pessoais de pessoa para pessoa, mas é bem interessante a forma que ele consegue espalhar essa mensagem com a letra da música e o MV como um todo, é sempre importante que nos amemos e nos respeitamos antes de qualquer coisa.

E aí? Gostou desse pequeno review? Vai começar a se olhar mais no espelho? Bora dar mais uma olhada nesse MV!

Estela

Written by Estela

Comments

Comente

Loading…

0

H.O.T ganha o processo contra o ex-diretor da SM Entertainment

Black Swan

Novo girl group Black Swan terá integrantes do Brasil e Senegal