in

Itens Piratas? A Big Hit barrou!

A Big Hit Entertainment apresentou uma queixa no tribunal distrital da Califórnia referente a mercadorias não autorizadas vendidas fora dos shows do BTS.

De acordo com um relatório da Billboard, a Big Hit apresentou a queixa em 25 de abril, e a agência reivindicou um “direito exclusivo” à marca registrada do BTS. A Big Hit solicitou a autorização do tribunal para a apreensão e destruição de todas as mercadorias não autorizadas vendidas fora dos shows do BTS nos EUA.

A Big Hit afirmou que mercadorias pirateadas, como livros de turnês e programas, camisetas, moletons, chapéus, viseiras, bottons, pôsteres e muito mais, “prejudicam a reputação” da agência e do BTS por causa da qualidade “inferior”. Na denúncia, a Big Hit cita violações do Lanham Act, Código Civil da Califórnia § 3344 (a) e Código de Negócios e Profissões da Califórnia § 17200. Além disso, eles afirmam que a empresa tem direito a indenização por causa da perda de renda devido a venda de mercadoria não autorizada.

Imagina aqui no Brasil?! 😱

Avatar

Written by Jessica Bett

Comments

Comente

Loading…

0

Lee Gikwang Enviou Uma Carta Aos Fãs

BTS Entrou Para a Lista da Gold House