in

O Backstage dos shows de K-Pop

Blanc7 no KEX: FIRST EDITION. Imagem: Kex Entertainment.

Quem nunca se perguntou como funciona o backstage de um show de K-Pop, ou de como funciona o processo para um grupo ou artista decidir vir ao Brasil? Na visão do público, o processo pode parecer simples, mas é muito mais complexo e trabalhoso do que isso. Aliás, o que um produtor faz?

Na produção existem diversas áreas de atuação. Um evento não acontece só com o trabalho de uma única pessoa. Temos desde funções operacionais, como montagem de palco, elétrica, até questões legais e governamentais.

Para um evento acontecer, por lei a empresa precisa apresentar uma série de documentos, provando que aquele evento será seguro tanto para o artista, quanto para o público e quem trabalhará no dia.

Blanc7 no KEX: FIRST EDITION. Imagem: KEX Entertainment.

Um show não começa quando o artista anuncia a sua vinda, vai desde a negociação de valores, escolha da data, cotação da casa de show, hotel, passagens áreas e recrutamento da equipe.

Quem monta o palco? Quem controla as luzes e o som? Quem faz a venda e entrega dos ingresso? Quem cuida das necessidades do artista? Quem tira as dúvidas dos fãs sobre o evento? Quem faz a divulgação? Para cada uma dessas tarefas existem equipes especializadas e preparadas, e pode ter certeza, são inúmeras pessoas trabalhando para que o evento aconteça.

Backstage do K-CONTENT EXPO 2018. Imagem: KEX Entertainment (Carol Dadalto)

Ser produtor é saber organizar, planejar, orientar, gerenciar e colocar a mão na massa quando necessário. É correr de um lado para o outro, ficar dias sem dormir e sem se alimentar, é assumir uma responsabilidade e relacionamento de confiança com o fã e o artista.

O mercado do K-Pop no Brasil ainda está em construção. Estamos vivendo um momento delicado na economia do nosso país, mas isso não impede que o número de fãs pare de crescer e que parem de pedir pelos seus artistas favoritos aqui.

Em 2018 tivemos um total de 27 artistas divulgados para eventos pelo país, sendo 6 deles cancelados ou adiados.

Foi o ano com mais eventos com artistas da Coreia que o Brasil já teve, e foi o ano em que mais tivemos casos de cancelamento, acusações de fraude e desconfiança do público com as produtoras.

Como saber se aquele show é real?

MVP Tour em São Paulo. Imagem: KEX Entertainment.

Novas produtoras estão surgindo e com isso surgem também as dúvidas. Como confiar em uma empresa que está começando agora?

A primeira certeza que temos de que o show é real ou não é com o próprio anúncio da empresa oficial do artista ou do próprio artista. Notícias vazam, e muitas vezes elas não são apuradas antes de serem divulgadas ao público.

Independente de onde a notícia aparecer, é necessário questionar, procurar outras fontes e esperar o anúncio oficial do próprio artista ou sua equipe.

Já tivemos casos onde o próprio artista anunciou o show e mesmo assim foi cancelado. Isso acontece pois todo e qualquer tipo de evento tem chances de não acontecer.

A venda de ingressos sempre vai ser o grande inimigo do produtor. Mesmo que exista uma pesquisa de público, isso não trará a certeza de que o evento será um sucesso de vendas e que cobrirá todos os gastos.

MONT no 12º Festival da Cultura Coreana em 2018. Imagem: KEX Entertainment.

Problemas durante o planejamento acontecem, cancelamentos e adiamentos são normais, mas são evitados ao máximo. Nenhum produtor quer que o seu evento seja cancelado, e pode ter certeza que toda a equipe vai lutar para que isso não aconteça.

Vai parecer clichê e repetitivo, mas é necessário apoiar grupos e produtoras menores. Mesmo com o número de shows aumentando, o nosso mercado ainda está em constante construção.

Aumentar o interesse do público para outros grupos e torná-lo mais participativo faz com que outras empresas abram o olho para o K-Pop.

Quem sabe o próximo evento anunciado não seja o seu grupo favorito?

Avatar

Written by karolvilas

Comments

Comente

Loading…

0

Comments

0 comments

A lesão de LE afetará o EXID?

Os atores Chu Ja Hyun e Yu Xiaoguang irão casar