in

Representantes legais de Lai Kuanlin respondem às declarações da Cube sobre rescisão de contrato

Lai Kuanlin Cube rescisão

Hoje, os representantes legais do cantor Lai Kuanlin divulgaram uma resposta às declarações da Cube Entertainment sobre a questão da rescisão do contrato do idol com a agência.

“Olá, aqui é o advogado Park Sung Woo do escritório Chaeum, o representante legal do cantor Lai Kuanlin.

Gostaríamos de compartilhar nossa resposta aos pontos apresentados pela Cube Entertainment em 23 de julho de 2019.

Os advogados da Chaeum receberam todos os direitos do próprio Lai Kunalin para atuar como seu representante legal em todos os assuntos, incluindo para requerer em juízo e apresentar provas. O pedido da Cube Entertainment por provas de qualificação da representação legal nada mais é do que uma tentativa de causar problemas a essa situação. Não respondemos à solicitação da Cube Entertainment porque não vimos motivo para atender unilateralmente todas as solicitações que a agência faz quando estamos ajuizando a rescisão do contrato depois que os pedidos para retificar e negociar as violações do contrato foram ignoradas. O pedido para rescindir o contrato inclui um mandado de procuração assinado pelo próprio Lai Kuanlin, e a Cube Entertainment poderá conferir o documento quando for enviado a eles, por isso pedimos que se abstenham de declarações maliciosas que não tem ligação com o cerne da questão.

Lai Kuanlin nunca viu pessoalmente o contrato que a Cube Entertainment elaborou para vender seus direitos de gestão a terceiros, e por isso solicitamos receber uma cópia do contrato em questão. No entanto, a resposta que recebemos da Cube Entertainment foi que eles acreditam que não são obrigados a fornecer tal documento para nós e, se quisermos conferir o contrato, deveríamos procurá-los.

Mesmo se deixarmos de lado a atitude não cooperativa que a empresa está demonstrando a um pedido legítimo, se a afirmação da Cube Entertainment de que Lai Kuanlin e seu pai assinaram o contrato fosse verdadeira, não haveria razão para negar nosso pedido. Não apenas isso, mas a Cube Entertainment não abordou adequadamente em sua declaração a nossa alegação de que existem documentos com a assinatura de Lai Kuanlin que ele não juntou pessoalmente. Se a posição da Cube Entertainment de que “receberam a aprovação de Lai Kuanlin para assinar um contrato com uma empresa coreana terceirizada para a seleção de uma empresa de gestão na China” for verdadeira, então pedimos que provem isso em juízo.

Além disso, questionamos o motivo por trás da Cube Entertainment alegar que existe um grupo que busca ter o controle exclusivo sobre o sucesso de Lai Kuanlin, influenciando ele e sua família. Isto é basicamente alegar que Lai Kunalin e sua família entraram com o pedido de rescisão do contrato com base em puro interesse em lucro econômico, e isso não é algo dito por preocupação com o futuro de Lai Kuanlin, mas pode ser visto como um impulso a gerar uma onda de comentários maliciosos que difamam Lai Kuanlin e sua família. Se a Cube Entertainment realmente deseja resolver essa situação amigavelmente, pedimos sinceramente que parem com tais reivindicações unilaterais e maliciosas.

Como dissemos anteriormente, Lai Kuanlin tentou resolver esta situação com negociações amigáveis desde o início, mas a Cube Entertainment negou todos os seus pedidos, infelizmente o forçando a ajuizar a rescisão de contrato. Se a Cube Entertainment demonstrar que está disposta a conversar sobre esse assunto, Lai Kuanlin vai debater com seu pai e conosco, seus representantes legais, antes de decidir se participará de mais discussões sobre esse assunto.

Obrigado.”

Avatar

Written by Priscylla Piucco

Comments

Comente

Loading…

0
video music awards 2019

MTV cria a categoria de Kpop para o Video Music Awards 2019

Oh My Girl anuncia comeback