in

AmeiAmei InteressanteInteressante arrasouuuarrasouuu

WONHO: Inocente. Sempre foi.

Desde meados de Outubro os fãs do grupo Monsta X vem sofrendo com os ataques que alguns dos integrantes vinham sofrendo, em uma clara tentativa de boicote contra o grupo. Comentários maliciosos, vídeos e fotos fora de contexto foram claros ataques planejados e direcionados ao grupo.

Em 31 de Outubro de 2019, o que os fãs mais temiam aconteceu: Wonho – Lee Hoseok – optou por deixar o grupo, evitando assim vincular a sua imagem à de seus colegas. Acusado por uso ilegal de substâncias, de dever dinheiro à sua ex colega de apartamento entre outros pequenos delitos, Wonho entrou na mira da justiça. Revoltados com as acusações, fãs do mundo inteiro organizaram uma petição que angariou mais de 300 mil assinaturas em uma questão de horas, as hashtags pedindo justiça tomaram os primeiros lugares dos trending topics do Twitter, e protestos começaram a ser organizados em frente à Starship Entertainment.

Após cinco meses de completo silêncio, Jung Da Eun e Han Seo Hee deletaram suas redes sociais, por onde destilavam veneno e negatividade sobre Lee Hoseok. Esse foi o primeiro sinal recebido pelos Monbebe, os fãs que nunca desistiram de limpar o nome do ídolo.

Hoje, 10 de Março, a polícia sul-coreana finalmente declarou Lee Hoseok INOCENTE.

“Durante a investigação, Wonho cooperou ativamente com a polícia e todos os procedimentos da investigação, incluindo com os exames científicos pedidos pelas agências de investigação”, diz o comunicado. “A unidade de investigação de drogas da Agência de Polícia Metropolitana de Seul conduziu extensas investigações nos últimos cinco meses, mas não conseguiu encontrar nenhuma acusação. Finalmente, em 10 de março, a investigação interna de Wonho foi concluída.”

A Starship Entertainment, agência responsável pelo Monsta X, esteve o tempo todo por trás das investigações, e hoje declarou o seguinte:

“A equipe de investigação de drogas da Agência de Polícia Metropolitana de Seul liberou Wonho, ex-integrante do grupo Monsta X, de todas as acusações contra ele em 10 de março, depois de encerrar uma investigação sobre drogas, incluindo maconha.

No final de outubro do ano passado, foram apresentadas alegações de consumo de maconha contra Wonho, o que levou a equipe de investigação de drogas da Agência de Polícia Metropolitana de Seul a investigar todas as acusações. Durante a investigação, Wonho cooperou ativamente com a polícia e todos os procedimentos de investigação, incluindo exames científicos pelas agências de investigação. A unidade de investigação de drogas da Agência de Polícia Metropolitana de Seul conduziu extensas investigações nos últimos cinco meses, mas não conseguiu encontrar nenhuma acusação. Finalmente, em 10 de março, a investigação interna de Wonho foi concluída.

Independentemente do que foi dito acima, gostaríamos de pedir desculpas mais uma vez pelo fato de a Starship Entertainment e o Wonho terem causado grande preocupação aos nossos fãs. Também agradecemos a todos os nossos fãs pelo apoio inabalável durante a investigação.

Durante a longa investigação, tentamos ao máximo minimizar a exposição da mídia a Wonho e nomear um advogado para garantir que não haja acusações contra ele. Continuaremos a apoiar totalmente Wonho no desenvolvimento de sua própria carreira no futuro.

Obrigado.”

Monbebes, não é o fim.

Avatar

Written by Lun Rezende

Comments

Comente

Loading…

0

TXT divulga seu cover de “In My Blood” do Shawn Mendes

Jackson, do GOT7, solta um teaser para o novo single ‘100 Ways’